• 23/11/2020

    O Programa de Mestrado em Ciências da Saúde, da Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais, instituição que alia tradição, modernidade e inovação, em seus 70 anos de trajetória na área da Saúde, está com inscrições abertas para 2021.

    Voltado para graduados na área da Saúde, assim como profissionais que tenham interesse em ampliar seus conhecimentos científicos, o programa tem como objetivo principal formar mestres qualificados e com conhecimento técnico e acadêmico para a docência do ensino superior, bem como o desenvolvimento de habilidades em ciências aplicadas à saúde.

    O Mestrado Acadêmico em Ciências da Saúde, da CMMG, contempla quatro linhas de pesquisa: Ciências aplicadas ao câncer, Ciências aplicadas às doenças cardiovasculares, Impacto das doenças crônico-degenerativas na população brasileira e Ciências aplicadas às nefropatias/transplante renal.

    Interessados em participar do programa devem acessar o Edital, disponível no site mestrado.cmmg.edu.br, e seguir as instruções.

    As inscrições se encerram em 22 de janeiro de 2021.

    Para mais informações, clique aqui.

     

  • 19/11/2020

    A Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais, buscando proporcionar cada vez mais a excelência no desenvolvimento de habilidades e competências dos alunos, inaugura a Casa Simulada que funcionará no Laboratório de Habilidades e Simulação Realística (LabSim).

    A Casa Simulada possibilita, ao acadêmico, vivenciar situações muito semelhantes às da realidade em um ambiente domiciliar, possibilitando a identificação de potencialidades e limites desse tipo de atendimento, ampliando sua visão de contexto e circunstâncias relacionadas ao cenário da saúde, o que contribui para a construção de novas competências na formação do profissional.

    De acordo com o coordenador do LabSim, professor Augusto Scalabrini Neto, a “Casa Simulada” proporcionará aos alunos de Medicina, Enfermagem e Fisioterapia uma experiência única no atendimento domiciliar, home care e atenção primária à saúde, dentro de um ambiente realístico e seguro para o paciente e para o aluno.

    O espaço “Casa Simulada” conta com sala de estar, cozinha, banheiro e quarto, todos os ambientes mobiliados para simular uma residência real. Além disso, há espelho unidirecional que possibilita a perfeita visão de quem está do outro lado, sem interferência na atuação do aluno.  Durante a simulação do atendimento domiciliar por um ou mais alunos, o docente permanece com um grupo de alunos do outro lado do espelho, praticando a observação como ferramenta de aprendizagem. Ao final da atividade, os alunos se reúnem com o professor para discutirem o caso apresentado.

    A Casa Simulada está disponível para todos os cursos da FCM- MG e para treinamento de equipes externas à Instituição, possibilitando assim uma maior capacitação de profissionais na área da saúde, segurança, setores privados e públicos, de modo que todos estejam aptos a atender às demandas da sociedade. Informações: (31) 3248-7195 / labsim@feluma.org.br.

  • 17/11/2020

    Com uma trajetória marcada pela tradição, modernidade e inovação, na área da Saúde, a Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais celebra, neste ano, 70 anos de fundação.

    Para comemorar este marco em sua história, foi realizado um evento no Teatro Feluma, transmitido simultaneamente pelos canais do YouTube da faculdade (www.youtube.com/faculdadecmmg) e do teatro (https://www.youtube.com/TeatroFeluma/), com a presença de autoridades da área da Saúde, entre elas o Secretário Municipal de Saúde de Belo Horizonte, Dr. Jackson Machado Pinto, ex-alunos da faculdade, representantes do corpo docente e discente, além de dirigentes da Fundação Educacional Lucas Machado (Feluma), mantenedora da Ciências Médicas.

    O Diretor da Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais, Prof. José Celso Cunha Guerra Pinto Coelho, abriu a solenidade com um discurso que destacou as realizações da instituição ao longo de todos esses anos de atuação na área da Saúde, principalmente, o ano de 2020. “Conseguimos vencer este ano. Todas as nossas atividades acadêmicas, de todos os nossos cursos, estão adaptadas à nova realidade e funcionando. Somos mais uma vez a referência. Um feito histórico, em um momento ímpar da humanidade”, concluiu.

    Dr. Wagner Eduardo Ferreira, Presidente da Fundação Educacional Lucas Machado (Feluma) dedicou seu discurso aos colaboradores que integram a Feluma, assim como todo corpo discente e docente da faculdade, autoridades do setor da saúde, que também fazem parte da história da instituição, ex-presidentes da Fundação e demais dirigentes dos institutos Feluma.

    A programação do evento contou ainda com várias homenagens, além de apresentação do Prof. Dr. Geraldo Magela Gomes da Cruz, Curador do Centro de Memória Ciências Médicas de Minas Gerais, sobre as sete décadas de existência da faculdade, que culminou no lançamento do Atlas “Faculdade Ciências Médicas: 70 anos de História”, que eterniza a trajetória de sucesso da instituição.

    A solenidade foi encerrada com show do cantor e compositor Lô Borges, um dos fundadores do Clube da Esquina, que contou com sucessos como “Quem sabe isso quer dizer amor”, “O trem azul” e “Nada será como antes”.

    Para conferir todos os momentos deste evento comemorativo, acesse bit.ly/70anosCMMG.

     

  • 17/11/2020

    A Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais (FCM-MG) sediou, pela primeira vez, um curso de atualização em ATLS – Advanced Trauma Life Support.

    O curso foi realizado nos dias 7 e 8 de novembro e contou com a presença de um público de 20 pessoas, entre docentes da Faculdade e médicos que atuam no Hospital João XXIII. Para a FCM-MG, sediar esse curso é uma oportunidade de qualificação do corpo docente e discente, contribuindo na formação de profissionais mais preparados para o mercado de trabalho.

    O ATLS – Suporte de Vida Avançado no Trauma é um curso de treinamento teórico-prático, desenvolvido no Colégio Americano de Cirurgiões, para médicos que atuam nos serviços de emergência e tem como objetivo padronizar a avaliação inicial e o atendimento do paciente traumatizado, além de aprimorar a conduta dentro dos critérios mais avançados e já adotados por diversos países.

     

     

  • 17/11/2020

     

     

    Os alunos do curso de Medicina da Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais promoveram o IV Congresso Acadêmico de Oftalmologia (CAO), que se tornou o maior evento da área com a participação de mais de 1.600 inscritos, de todos os estados brasileiros e de países da América Latina.

    A organização do Congresso foi da OFTALMOLIGA, Liga Acadêmica de Oftalmologia da Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais. O evento, que teve três dias de duração, foi realizado pela primeira vez em 2017.

    Neste ano, o evento contou com a presença de profissionais renomados da oftalmologia brasileira e abordou temas como inovação, inteligência artificial, finanças, dentre outros. O evento contou com cinco grandes eixos: palestras; minipílulas de conhecimento; concurso cultural “De Olho Nos Talentos”, I Olimpíada Acadêmica de Oftalmologia, o “Med Fora da Caixa” e as apresentações científicas.

    O IV CAO teve o apoio de 7 ligas acadêmicas de instituições de ensino de Minas Gerais, como PUC Minas, Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Minas Gerais, Universidade Federal de São João Del-Rei, UNIBH, entre outras. E contou também com o apoio da Sociedade de Acadêmicos de Medicina de Minas Gerais (SAMMG) e da Sociedade Mineira de Oftalmologia (SMO).

    O evento foi coordenado pelo professor Dr. Fábio Nishimura Kanadani e pelos acadêmicos integrantes da Liga: o presidente, Daniel Bodour Danielian Filho; o vice-presidente, Mauro Gobira; a ex-presidente da Liga, Larissa Lima Magalhães e Glauco Aquino, presidente da Associação Brasileira de Ligas Acadêmicas de Oftalmologia (ABLAO).

    O objetivo da Liga é proporcionar conhecimento sobre Oftalmologia na graduação em Medicina e criar uma comunidade de acadêmicos interessados na área, potencializando talentos e criando conexões entre pessoas.

     

    Programação do Congresso

    “Minipílulas”: com o objetivo de garantir que todos os acadêmicos ouvintes do congresso tivessem uma base teórica mínima para que pudessem usufruir ao máximo das palestras, foram ofertadas aulas curtas sobre temas básicos da Oftalmologia.

    “De Olho Nos Talentos”: mais uma inovação do IV CAO, teve como propósito dar espaço aos acadêmicos com talentos artísticos, tais como música, dança, desenho, entre outros. As apresentações foram feitas por meio de vídeos de diversas regiões do país e foram exibidas nos intervalos do evento.

    “Científico do IV CAO”: recebeu mais de 150 resumos de pôsteres, que foram avaliados por Oftalmologistas, e 35 foram selecionados para apresentação ao vivo, via plataforma online, para os avaliadores finais de pôsteres. Todos os resumos serão publicados no Suplemento da Revista Médica de Minas Gerais (RMMG). E as três apresentações com a melhor avaliação serão premiadas com a publicação do artigo completo na Revista.

    “Med Fora da Caixa”: também foi um pioneirismo do IV CAO e surgiu da crescente demanda dos acadêmicos pelo conhecimento sobre temas não-convencionais, tais como finanças, contabilidade, carreira médica, perspectivas do mercado de trabalho, publicidade e ética médica, carreira militar na medicina, produção científica, medicina fora do Brasil, dentre outros. Foram convidados profissionais renomados, e com vasta experiência em cada um dos temas, para ministrar as palestras.

    Para o ano de 2021, a Liga pretende estruturar um evento de forma presencial e também na modalidade virtual, o que permitirá maior participação de outros países. A FCM-MG, que completou 70 anos de fundação em 2020, preza pela formação humanista, crítica e reflexiva dos seus acadêmicos aliando um ensino teórico-prático, por meio de eventos acadêmicos e projetos de extensão.

Voltar ao topo