Programa de Internacionalização da Faculdade Ciências Médicas abre editais para internatos em 2019 e 2020 com universidades nos EUA e na Europa.

09/07/2019

A operação de internacionalização da Faculdade Ciências Médicas através de internatos para os alunos da graduação começou a ser colocada em prática em 2018 e se consolida em 2019 com a inscrição de 17 alunos nos editais abertos pela instituição.

A primeira parceria foi fechada com a Universidade de Miami, nos Estados Unidos e hoje já se estende para instituições da Europa e América Latina. No ano passado a primeira aluna de medicina, Mariana Nunes, concluiu com sucesso o internato de 10 semanas em urgência e emergência no estado americano, abrindo caminho para novos alunos e novas parcerias.

Para 2019, 14 alunos se inscreveram para diversos internatos oferecidos pela Faculdade Ciências Médicas em Miami. No primeiro semestre, seis alunos fizeram a experiência internacional nas áreas de urgência /emergência, cirurgia e pediatria e no segundo semestre será feito um rodízio com os demais estudantes.

Podem se inscrever alunos do 4º e do 5º ano de medicina que farão os estágios durante o 5º ou 6º anos do curso, previstos na grade curricular como etapas dedicadas aos internatos. Os alunos arcam com as despesas próprias, ficando a cargo da faculdade a taxa de internato e o seguro escolar. Para participar, o aluno precisa preencher alguns requisitos para ter acesso à internacionalização. O primeiro é o domínio da língua inglesa com apresentação de diploma de proficiência avançada, e o segundo é ter média acima de 80% na Faculdade Ciências Médicas.

Além da consolidação da parceria com a Universidade de Miami, os convênios assinados com a Universidade de Kansas, também nos Estados Unidos, e Lille na França abriram os primeiros editais em 2019.

Para a Universidade de Lille, são 2 vagas ofertadas para 2020 no Internato em Saúde do Idoso e 1 vaga em Cirurgia. A universidade francesa se destaca na área do envelhecimento e esta parceria também abre portas para residentes em geriatria. O acordo está em fase inicial, mas segundo a assessora de Relações Internacionais Corinne Andree Imbs, as oportunidades vão se estender, também, aos alunos dos cursos de Fisioterapia, Psicologia e Enfermagem, além da Pós-Graduação em Lato sensu e Stricto sensu.

Já o edital para a Universidade de Kansas, nos EUA, oferece vagas para alunos do curso de fisioterapia na disciplina de Fisioterapia Neurológica que trata a reabilitação de pacientes de pós-AVC, Alzheimer e Parkinson. No caso da Fisioterapia, o estágio tem duração de 8 semana e será ofertado entre os meses de outubro e novembro de 2019 com ajustes na grade curricular. Corinne explica que nos demais curso da Faculdade Ciências Médicas, o estágio previsto em lei funciona em meio período, não é dedicação exclusiva como acontece com a medicina. Mesmo assim, a faculdade se empenha para proporcionar a todos a oportunidade de uma experiência de aprendizado internacional.

O Programa de internacionalização da Faculdade Ciências Médicas

Hoje os alunos das Ciências Médicas, tanto da Faculdade como da Pós-Graduação encontram na instituição diversas oportunidades internacionais de aprendizado. No lato sensu, o curso de especialização em Cirurgia Robótica pode ser feito em Miami e Chicago na Universidade de Illinois. Em Portugal, uma parceria na cidade de Matosinhos garante aos alunos da pós em DRG uma disciplina optativa na Unidade de Saúde que é referência na utilização desta ferramenta de Grupo de Diagnóstico. Além dela, a faculdade tem parceria com o Instituto de Oncologia de

Porto para residentes e especializandos de gastrenterologia e endoscopia digestiva. Na Pós-graduação stricto sensu existem parcerias para pesquisa nas universidades de Oxford e do Texas.

Na América Latina, a Faculdade fechou recentemente acordo com a Universidade de Montevideo, onde alunos de graduação e pós poderão fazer residência e internato na área de Urologia.

Corinne avalia o processo de internacionalização, que começou há pouco mais de um ano, como um sucesso: “O primeiro passo, que era colocar os acordos para funcionar, foi muito bem desenvolvido, mas a gente sabe que daqui para frente tem muita coisa para ser feita”, comemora.

Alunas da França no Internato Rural

A Faculdade Ciências Médicas começa em agosto de 2109 uma nova experiência internacional. O Departamento de Saúde Coletiva receberá 2 alunas de medicina da Faculdade de Medicina de Estrasburgo, na França. Elas terão a oportunidade de participar e compartilhar das mesmas experiências e aprendizagens dos alunos da CMMG no âmbito de um Sistema de Saúde de uma cidade do interior.

CLEV – Coordenação Local de Estágios e Vivências

Os estudantes de medicina da CMMG participam da rede DENEM (Direção Nacional dos Estudantes de Medicina). Essa participação propicia a integração com faculdades de medicina do mundo inteiro que são membros da rede IFMSA. Essa parceria possibilita enviar nossos alunos e também receber alunos estrangeiros de graduação em medicina para experiências de 4 semanas. Durante o mês de julho de 2019, teremos 3 estudantes estrangeiros no Hospital Universitário Ciências Médicas e em agosto, o Hospital recebe mais 4 estudantes.

Voltar ao topo