Professor da PGCM-MG investiga cardiopatia em pacientes submetidos a quimioterapia

O crescimento de doenças cardiovasculares nos pacientes com câncer, após a terapêutica oncológica, foi o marco inicial para o desenvolvimento do projeto Avaliação de biomarcadores bioquímicos e moleculares como preditores à cardiopatia secundária ao uso de quimioterápico em pacientes com câncer de mama.
 
A iniciativa desenvolvida pelo professor da Pós-Graduação Ciências Médicas, Ricardo Simões, conta também com a orientação dos professores Karina Braga Gomes Borges e Adriano de Paula Sabino, da Faculdade de Farmácia, e a pesquisadora Luciana Maria Silva, da Fundação Ezequiel Dias (Funed).
 
A pesquisa pretende avaliar marcadores bioquímicos e a expressão de microRNAs associados à disfunção sistólica do ventrículo esquerdo em portadoras de câncer de mama, submetidas ao protocolo de quimioterapia com antracíclicos isoladamente ou em associação com trastuzumabe. Os resultados, caso sejam satisfatórios, poderão proporcionar melhor qualidade de vida às mulheres em tratamento quimioterápico.
 

Voltar ao topo