• 03/04/2019

    Agora, o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PROBIC-FCMMG) oferece fomento para 50 projetos de Iniciação Científica aos cursos de graduação, neste ano de 2019.

     Saiba mais sobre o Programa: O Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica tem por objetivo contribuir, por meio da iniciação de estudantes de graduação em atividades de pesquisa, para o fortalecimento e consolidação científica das instituições mineiras de pesquisa e ensino. A concessão de bolsas aos acadêmicos é feita mediante processo de seleção do projeto, com base em condições e critérios estabelecidos em edital, que está publicado neste link

     Inscrições até 15 de abril de 2019, às 18h.

     Esta é uma oportunidade para o graduando desenvolver o pensamento científico e criativo para encontrar caminhos ao problema proposto no início da pesquisa, o que é exigido tanto no mercado de trabalho, quanto no ambiente acadêmico.

     Para mais informações, entre em contato com a Coordenação de Pesquisa e Extensão (3º andar da FCM-MG) 

    E-mail: pesquisa.extensao@feluma.org.br

    Telefone: (31) 3248-7238

  • 29/03/2019

    Nos dias 29 e 30 de março, o Hospital Felicio Rocho, em parceria com o Instituto de Cirurgia Robótica Ciências Médicas, uma instituição FELUMA, promove o 2° Simpósio de Uro-oncologia e Cirurgia Robótica, com entrada gratuita, direcionado a urologistas, oncologistas, radioterapeutas e radiologistas do estado de Minas Gerais. O objetivo do evento é apresentar técnicas cirúrgicas avançadas e discutir casos clínicos complexos, para promover a geração de conhecimento e atualização, baseados na experiência dos participantes em cirurgias minimamente invasivas e tratamento cirúrgico robótico de tumores.

    Durante o Simpósio, haverá a realização de três cirurgias por via robótica, com transmissão simultânea para o auditório, e também a parte teórica, apresentando técnicas cirúrgicas, assistidas por robô, Imuno-oncologia aplicada a tumores Urológicos, destaques do principal congresso mundial de uro-oncologia: ASCO GU 2019, e discussão de casos clínicos desafiadores em câncer de próstata, rim e bexiga. O urologista Marcelo Esteves, professor da pós-gradução de Cirurgia Robótica da Ciências Médicas, fará apresentação sobre o papel da cirurgia robótica na remoção da bexiga.

    O evento será realizado no Núcleo de Ciências da Saúde do Hospital Felício Rocho, localizado na Rua Uberaba, 500 – 5º andar – Barro Preto, Belo Horizonte/MG.

     

  • 21/03/2019

    Confira a obra literária selecionada para o Vestibular 2019 / 2º Semestre – Estas Estórias, de João Guimarães Rosa.

    Narrativas:

    1. Meu Tio o Iauaretê
    2. Bicho Mau

  • 28/02/2019

    Há mais de seis décadas, a Ciências Médicas zela pela atuação criteriosa e comprometida com a educação, ensino e aprendizado em saúde, reafirmando a importância de contribuir para que novos profissionais ingressem no mercado e possam atender a população em sua necessidade mais primordial, o cuidado com a vida. Para firmar o propósito de formação e o desenvolvimento do segmento de saúde, oferecendo possibilidade de conhecimento, aplicação na prática, há além da graduação, o programa de residência e especialização, que integra a pós-graduação.

    No último 22 fevereiro, a Fundação Educacional Lucas Machado – FELUMA, por meio de seus institutos, Hospital Universitário e Instituto de olhos, celebrou a formatura de seus residentes em solenidade simbólica. O evento além de marcante, prestigiou os formandos, e contou com mais de 180 convidados, entre familiares, lideranças do segmento de saúde, autoridades e gestores dos institutos da FELUMA.

    Compuseram a mesa além do Presidente em exercício da FELUMA, Dr. José Maria Borges, as seguintes autoridades: o Diretor do HUCM e IOCM, Dr. Antônio Carlos de Barros Martins, o Diretor Geral da Pós-graduação, Prof. Antônio Vieira Machado, o diretor e vice-diretor da Faculdade Ciências Médicas, Prof. José Celso Guerra e Prof. Marcelo Miranda. Das entidades de classe, tivemos a ilustre presença do Dr. Fábio Augusto de Castro Guerra – Primeiro Secretário do CRM de MG, Dr. José Alvarenga Caldeira – Conselheiro do Sindicato dos Médicos de MG.

    Ao todo foram são 44 formandos das seguintes especialidades:

    Anestesiologia, Cirurgia geral, Cirurgia plástica, Clínica médica, Nefrologia, Ortopedia e Traumatologia, Pediatria, Urologia, Cirurgia cardiovascular, Cirurgia vascular e

    Cabe ressaltar que tão importante quanto a competência técnica, é a capacidade de compaixão, dedicação, respeito, compreensão, honestidade e ética no exercício da profissão. Parabenizamos os formandos e estamos sempre de portas abertas para recebê-los.

    Saiba mais como funciona o Programa de residência médica: Realizado pelo Instituto Agos, o processo seletivo para a residência médica é realizado uma vez ao ano, geralmente em outubro. O Médico que se candidata ao processo pode concorrer a várias especialidades e instituições de saúde realizando uma única prova por processo seletivo. Mais praticidade e muitas oportunidades para você garantir a sua vaga.

    Para mais informações, clique e acesse o site do Instituto Agos.

  • 27/02/2019

    Cerca de 30 docentes dos cursos enfermagem, fisioterapia, medicina e psicologia da Faculdade Ciências Médicas participaram do “Programa de capacitação para elaboração de cenários não técnicos de simulação realística em saúde”. Um projeto interdisciplinar que propõe cenários comportamentais com foco na comunicação assertiva.

    Segundo a professora do curso, a consultora Regina Kaneko, no mercado de trabalho muitos profissionais são contratados pela competência técnica, mas acabam sendo desligados pelo comportamento. Por isso é tão importante contemplar na grade de atividades dos alunos esta competência que é baseada na clareza da comunicação, respeito, empatia e trabalho em equipe. Regina ressalta, também, sobre o uso de termos técnicos na comunicação, que segundo ela, devem ser evitados.

    “Corre-se o risco do paciente tomar uma atitude incorreta por não entender o parecer médico. Hoje, existem falhas na área da saúde e uma das principais causas, que leva a eventos adversos, é a comunicação inadequada”, explica ela.

    O curso foi ministrado para os professores no Labsim (Laboratório de Simulação Realística) da Faculdade Ciências Médicas. O espaço,com mais de 1.000 m2, tem infraestrutura moderna e foi o cenário perfeito para reproduzir situações da vida real. O coordenador geral didático do Labsim, Dr. Augusto Scalabrini Neto, foi quem intermediou a vinda da professora Regina, que ficou impressionada tanto com o parque tecnológico, quanto com os recursos humanos da instituição. “Fiquei encantada com a participação dos docentes da Faculdade, foi muito interativo e muito participativo, eles estavam realmente com vontade de aprender e ampliar o conhecimento”, completa.

    A capacitação voltada para uma assistência mais humanizada e segura contribui com a redução de episódios de falhas humanas no ambiente de trabalho.  E este resultado pode minimizar impactos negativos e que possam causar danos à saúde dos pacientes e prejuízos para o empregador.

     

Voltar ao topo